Fire Extinguishing Ball promete revolucionar o setor de extintores de incêndio


Equipamento será apresentado pela Elide Fire do Brasil, durante a Fire Show, de 3 a 5 de outubro, em São Paulo


São Paulo, julho de 2018 –Ela é menor que uma bola de futebol de salão e tem 1,5 quilo de peso. A Bola Extintora ABC, da Elide Fire do Brasil, ou Fire Extinguishing Ball, como é conhecida no resto do mundo, parece um brinquedo, mas é um eficiente equipamento de segurança que estará na Fire Show – International Fire Fair, que acontece junto com a 22ª FISP- Feira Internacional de Segurança e Proteção, de 3 a 5 de outubro, em São Paulo.

Já há quem diga que essa esfera explosiva, que funciona automaticamente sem colocar a vida de uma pessoa em risco, será a sucessora dos extintores de incêndio. Pesados e difíceis de manusear, os equipamentos atuais são itens obrigatórios por lei, o que torna a bola extintora um produto adicional, de uso voluntário, no programa de segurança de uma empresa.

Produzido na Tailândia, o produto é importado pela Elide Fire do Brasil e já é adotado por grandes empresas e produtores agrícolas. Segundo a gerente comercial da empresa, Juliana Pinheiro, a Vale, Tramontina, usinas de cana e de soja, já usam a bola extintora para proteção adicional de suas máquinas e indústrias. “Temos ainda como clientes a Marinha, vários operadores portuários, parques eólicos, mineradoras, condomínios, armazéns, Data Centers, empresas de ônibus,  indústrias, fábricas e shopping centers”, afirma.

Por ser acionada apenas através da chama, a bola extintora pode ser instalada em maquinários, motores de colheitadeiras e tratores, em quadros de luz, além de ambientes fechados.  “Ela pode ficar em locais expostos a temperaturas entre -40° até +85° Celsius”, garante Juliana. “Já fizemos testes com temperaturas acima de 100°C sem que houvesse acionamento, o que confirma a segurança do equipamento”. Indicada para uso indoor ou em áreas abrigadas, a Bola Extintora ABC tem 5 anos de garantia, é isenta de manutenção ou custos de recarga anual e de fácil instalação.

Por ser pequena e de fácil manuseio, a Fire Extinguishing Ball também funciona como um extintor portátil, que pode ser jogado no fogo a uma distância segura. Indicada somente para o combate a princípios de incêndios, tem tempo de ativação entre 3 e 10 segundos após o contato com o fogo. A área coberta pelo pó químico com eficiência é de até 2m². Os materiais utilizados na construção do equipamento são de baixa densidade, baixo peso, fazendo com que a explosão da esfera não gere fragmentos contundentes, que possam machucar uma pessoa ou danificar um equipamento. O agente extintor ABC, a base de monofosfato de amônia, é eco amigável e atóxico, não representando risco aos seres humanos e ao meio ambiente. Como medida adicional de segurança a detonação da Bola Extintora emite um som de alerta de até 120dB avisando do princípio de incêndio. 

Origem da bola

Criada pelo tailandês Phanawatnan Kaimart, a Fire Extinguishing Ball, como é conhecida fora do Brasil, foi resultado de pesquisas na busca de um sistema automático capaz de debelar chamas, na fase inicial, antes que se propaguem e se transformem em um incêndio incontrolável.

Tudo começou em 1997 quando Kaimart testemunhou o incêndio no Hotel Royal Jomtien em Pattaya, na Tailândia. Inconformado com as vidas perdidas no sinistro ele decidiu desenvolver uma forma mais fácil e eficiente de combater incêndios.

Baseado em estudos que indicam que as temperaturas ultrapassam os 400°C nos primeiros quatro minutos de um incêndio, sendo esse tempo suficiente para as chamas se acelerarem rapidamente consumindo tudo, Kaimart buscou algo que pudesse extinguir as labaredas iniciais, mesmo antes de um alerta. Assim surgiu a bola extintora.

Instalada em locais estratégicos, de maior risco de incêndio como interruptores de luz, caixas de energia elétrica, equipamentos eletrônicos, e até mesmo motores e caldeiras, a bola atua antes de qualquer pessoa perceber o fogo. “A Bola Extintora ABC é uma invenção patenteada que passou por exaustivos testes de qualidade para garantir sua performance”, lembra Juliana. O dispositivo ganhou medalha de ouro no Prêmio Europeu Eureka de Inovação, uma medalha de bronze no Prêmio Genius no Japão, medalha de ouro no Prêmio WIPO, medalha de ouro no Prêmio KIPA da Coréia do Sul, medalha de ouro da Agência Federal de Ciência e Inovação da Federação Russa e do Conselho Nacional de Pesquisa da Tailândia.

Serviço:

Fire Show – International Fire Fair

Data: 3 a 5 de outubro
Horário: 13h às 21h
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center
Rodovia dos Imigrantes, KM 1,5 – São Paulo / SP

Mais informações: www.fireshow.com.br


Sobre a Cipa Fiera Milano

A Cipa Fiera Milano, filial brasileira da Fiera Milano, um dos maiores players de feiras e congressos do mundo que a cada ano atraem aproximadamente 30 mil expositores e mais de cinco milhões de visitantes,tornou-se sócio majoritário da Cipa do Brasil em 2011, dando origem à Cipa Fiera Milano. No Brasil, são realizadas 12 feiras que representam os mais diversos segmentos da economia, como segurança, energias limpas e sustentáveis, tubos e conexões, cabos, saúde no trabalho, tintas, tratamento de superfícies, esquadrias, tecnologias em reabilitação, inclusão e acessibilidade, entre outras. Entre as principais marcas do portfólio estão EXPOSEC, FISP, Fesqua, Ecoenergy, Reatech, EBRATS e Fesqua.


Mais informações para imprensa:

2PRÓ Comunicação
Email equipe: fieramilano@2pro.com.br
Teresa Silva – (11)3030-9463
Marcos Coelho – (11) 3030-9403
Myrian Vallone – (11) 3030-9404

www.2pro.com.br


Veja também...